POR: Márcio Belemita (Concursado)

Quem está acompanhando o caso do concurso púbico 001/2011 realizado em Salinópolis, se estava apoiando os concursados, com certeza ficará ainda mais indignado. Após as justiças Estadual e Municipal reconhecerem a legalidade do certame, prefeitura ainda insiste em manter o decreto 009/2013, irregular e arbitrário, que afastou os servidores de suas funções por 60 dias.


No dia 24 de janeiro do ano corrente o juiz titular da comarca de Salinópolis, Eduardo Rodrigues de Mendonça Freire, indeferiu o pedido do vereador e atualmente presidente da Câmara Municipal, Nilson Santa Brígida. Nilson, através do processo nº 0001816-86.2012.8.14.0048, ainda ano passado, entrou na justiça para que fossem anulados os atos do ex-prefeito, Vagner Curi, e com isso exonerar todos os 356 concursados.


A comarca municipal ainda irá dar o parecer dos dois mandados de segurança que foram impetrados pelos advogados em favor dos concursados. O mesmo juiz pediu mais dez dias para deferir ou indeferir o pedido do mandado, cujo registra e defende a volta de todos os afastados aos seus locais de trabalho. Diante disso é bem provável que o juiz defira um desses, já que a base do decreto irregular era o processo citado acima, uma vez indeferido. No amparo da constituição a prefeitura está totalmente errada.


Eis a questão: será que a prefeitura irá reconstruir os concursados?

 

Comentários   

 
0 #1 Guest 09-02-2013 23:41
:zzz
Citar
 

Adicionar comentário

Paraíso FM 105.9

Contador de visitas

125589
Hoje
Ontem
Esta semana
Semana passada
Este mês
Mês passado
Total de Visítas
156
1513
5858
113094
156
35371
125589
Seu IP: 54.211.212.174
Hora do Servidor: 2014-11-01 04:29:33